sexta-feira, 12 de agosto de 2011

=Retrato=

=Retrato=

"Eu não tinha esse rosto de hoje,
assim calmo, assim triste,
assim magro,
nem estes olhos tão vazios,
nem o lábio amargo
eu não tinha estas mãos sem força,
tão paradas e frias e mortas
eu não tinha este coração
que nem se mostra
eu não dei por esta mudança tão simples,
tão certa, tão fácil
em que espelho ficou perdida minha face?"

(Cecília Meireles)

6 comentários:

  1. Belíssimo poema, adoro Cecília Meireles!

    ResponderExcluir
  2. Olá faço parte das blogueiras unidas e vim fazer uma visita e seguir...

    Linda poesia parabéns pelo seu cantinho.Muito lindo Beijo e um lindo fim de semana :)

    http://de-enise-e.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Esse poema é maravilhoso
    com certeza retrata nosso dia
    a dia parabéns!!!

    ResponderExcluir
  4. Cecilia é tudo de bom. toca na gente

    ResponderExcluir
  5. Fantastico ela é demais, li tudo sobre esta mulher.

    ResponderExcluir

Obrigado pelo carinho,por deixar seu comentário,espero que tenha gostado ,volte sempre!!

Abraços com carinho!

└──●► *Rita!!