terça-feira, 30 de abril de 2013

=Meias Vermelhas=


Sentada no sofá esperei.....
Que a mala ficasse pronta, e tudo seria triste
Sua partida, pra onde.....nem queria saber...
Mas você estava certa que iria mesmo viajar
Chorando, quieta pensei na distancia que teria 
Em silencio fui até meu quarto e peguei o presente
Aproximei de você, com mãos trêmulas entreguei
Com minha voz embargada contei a história do presente
Abriu ....olhou-me por uns segundos sem entender
Abraçou-me...choramos senti um aperto, mas sabia
Que mesmo distante, num lugar tão longe, mas com elas
Você a meu lado estaria  de novo....esperei.....esperei
Tempo depois te vi tão distante, mas tinha a certeza
Que onde quer que você estivesse, a meia vermelha
Estaria de volta e junto dela, minha filha minha vida

______________________________________

Esse poema fiz em homenagem a minha filha Vanessa do
Blog =Escritora de Artes=,quando ela viajou e dei a ela
 meias vermelhas,li sobre uma história gostei, e tinha a
certeza que ela me traria de volta de um lugar distante!!

75 comentários:

  1. Boa tarde......
    Um poema que fiz quando minha filha
    viajou, ela voltou tempos depois, e
    com ela veio junto a meia vermelha
    Gostei da história por isso dei a ela
    as meias para a viagem
    Bjuss com carinho
    Rita!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Que lindo e emocionante. Bem de mãe!!! beijos,chica

    ResponderExcluir
  3. Uma bela homenagem para sua filha. Lindo poema.

    ResponderExcluir
  4. Oiê!

    Que linnnnnnnnnnnnnnnnndo Rita!!!!

    É de emocionar qualquer um!

    Que Deus Abençoe vc e sua família hoje e sempre. Amin!

    Beijokassssssssssssssssssss...

    ResponderExcluir
  5. Das meias vermelhas passos quentes de saudade.
    Cadinho RoDo

    ResponderExcluir
  6. fiquei super feliz em receber sua visitinha, realmente estamos sumidas.....net não tem colaborado comigo e não consigo aguentar tanta lentidão......adorei o poema perfeito, nunca usei meias vermelhas mais olhando assim ficam lindinhas...........to levando a receita da abóbora assada......me deu uma vontade danada de experimentar......bj

    ResponderExcluir
  7. fiquei super feliz em receber sua visitinha, realmente estamos sumidas.....net não tem colaborado comigo e não consigo aguentar tanta lentidão......adorei o poema perfeito, nunca usei meias vermelhas mais olhando assim ficam lindinhas...........to levando a receita da abóbora assada......me deu uma vontade danada de experimentar......bj

    ResponderExcluir
  8. Quando um filho vai para longe a saudade começa antes da partida.
    Bonito poema.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Ritinha essa historia é linda das meias vermelhas caso me de algum dia se for viajar para longe não esqueça de ser azul ok kkkk bjus mamis love iu

    ResponderExcluir
  10. Boa tarde Rita :)
    Um poema encantador,emocionante e carregado de sensibilidade.
    Bem se percebe que estas são palavras que brotam do coração amoroso de mãe.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Querida Rita
    Muito lindo mesmo!
    Parabéns pela homenagem à Vanessa.Meias vermelhas que estão guardados muitos momentos, lá ficam nossas lembranças e com elas podemos matar a saudade de alguém ou algo que sentimos falta.
    Boa noite
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Querida Rita que lindo poema pra sua filha, nossas pequenas princesas a quem amamos tanto né? Bela homenagem. Adorei. Beijinhos, ótimo feriado

    ResponderExcluir
  13. Que lindo, Rita! Muito emocionante!
    Ótimo feriado pra vc, fique com Deus! :))
    Bjssss
    viveraprendendo.com

    ResponderExcluir
  14. Oá!
    Vim retribuir sua visita e amei as palavras e a história das meias vermelhas.
    Trocando figurinhas de amigas se conhecendo, onde fica Araraquara?
    Vou passear aqui pelo seu cantinho virtual, passeie por lá também e volte sempre, portas e janelas estão sempre abertas :)

    ResponderExcluir
  15. Emotivo y Entrañable Post.
    Me ha encantado.
    Abraços e beijos.

    ResponderExcluir
  16. Que lindo minha querida, amei, parabéns!

    Desejo a vc e a sua família um feliz feriado!

    ResponderExcluir
  17. Oi Rita
    Eu também fui e voltei e ainda deu tempo de cuidar dos meus velhos até a morte.
    Lindo e emotivo...
    Obrigada pela visita
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  18. Expressou o seu enorme amor de mãe que qualquer filho gosta de ter.
    Admiro o seu coração repleto de amor.

    ag

    ResponderExcluir
  19. oi amada
    Uma autêntica e emocionada declaração de amor pela filha amada. Aplausos pra ti minha linda poetisa.
    Beijinhos com carinho
    Gracita

    ResponderExcluir
  20. Bonita y entrañable dedicatoria.

    Un abrazo.

    ResponderExcluir
  21. Um par de meias vermelhas com todo o amor do mundo! Lindo ...quem pode esquecer a quem lhe der
    um par de meias vermelhas?
    Um abraço

    ResponderExcluir
  22. Que linda declaração de amor amiga.
    Amei te rever lá no blog!!!

    bjus

    ResponderExcluir
  23. Oi! Bom feriado Rita querida.
    Adoro receber sua visita, por isso vim retribuir.
    Bjs no coração.
    Tudo de bom para vc e sua familia.

    ResponderExcluir
  24. Querida amiga

    As palavras
    que nascem da alma
    são grávidas
    de verdades...

    Que sempre haja em ti,
    tempo para cultivar a alegria.

    ResponderExcluir
  25. Rita, vc é uma pessoa linda, delicada e está sempre valorizando nosso trabalho.Gosto de ter vc como amiga virtual, quem sabe um dia será real. bjss.

    ResponderExcluir
  26. Olá Rita! Seu coração de mãe é maravilhoso, doce... terno... Linda homenagem! Beijinho e lindo find!

    ResponderExcluir
  27. Um presente que voltaria, certamente. Da mesma forma que você o via, ela sentia. Suas palavras mostram o seu carinho e a sua emoção naquela despedida. Belo! Bjs.

    ResponderExcluir
  28. Oi Rita,
    Lindo o poema que fez para a sua filha.
    Linda homenagem.
    bjs

    Ótimo feriado!

    ResponderExcluir
  29. Hola, un placer pasar por tu buen blog, te felicito por tu gran trabajo, aquí me tienes felicitándote. Te invito cordialmente a que leas mi nuevo poema titulado “El poema cósmico”, es un poema romántico entre estrellas, está publicado en el Blog de Boris Estebitan.

    ResponderExcluir
  30. Olá Rita!

    Saudade de mãe; inicia antes da viagem...o que vale para os filhos é a certeza que o amor e o carinho não acabara e ficara reservado em um cantinho, no meigo coração maternal... para ser desfrutado quando este filho voltar.

    Rita um abraço e ate mais.



    ResponderExcluir
  31. Ritinha minha linda.. que fofo..
    Nossa!! Que carinho gostoso..
    Mãe é tudo igual né amiga.. só mudamos de endereço kkkkkk
    Beijo no seu coração e um feriado super fofo..


    ResponderExcluir
  32. Querida Rita, emocionante e muito singular. Deus abençoe sua família.

    http://www.blogdocarloshamilton.blogspot.com

    ResponderExcluir
  33. Oi Rita
    Muito fofa essa homenagem a sua filha em forma de poema. E vc deu mesmo uma meia vermelha? Aposto que ela a tem guardada com muito carinho!
    Bjos.
    http://ashistoriasdeumabipolar.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  34. Amei Rita,muito lindo!!!
    Bom feriado para você e sua família!!!
    Bjus mil ♥

    http://blogluminoso.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  35. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  36. Oi Ritamada,
    Paz
    Dizem que a distância é o esquecimento, mas não creio ser razoável esta afirmação, quando o amor fraternal se evidencia.
    Corações entrelaçados, envoltos pelo amor materno, também são assim como aquele cordão de três dobras citados na Bíblia, no livro do Eclesiastes, sugerindo uma vida conjugal abençoada pelo Senhor. Este doce e belo relacionamento entre você e Vanessa, dificilmente poderá ser rompido.
    É este amor, o amor “storgeo”, que empresta valor à união entre as pessoas. Ele denota afeto, carinho, ternura e compreensão e pode, até mesmo, ser representado por meias vermelhas, algo tão simples, mas que intensamente impregnado desse belo sentimento, fortalece essa união.
    Alberto

    ResponderExcluir
  37. As pessoas mais bonitas que conhecemos são aquelas que conheceram a derrota,
    o sofrimento, a luta, a perda;
    e de ter encontrado seu caminho em direção à luz,
    longe das coisas ruins. Essas pessoas têm uma paz,
    uma sensibilidade e uma compreensão da vida que nos enche de compaixão,
    gentileza e um profundo cuidado amoroso.
    Pessoas bonitas não acontecem apenas,
    de repente. Elas se constroem dia após dia.
    Não me deixe parar nunca, e que sua esperanças se renovem a cada amanhecer.
    Um ferido abençoado e feliz .
    Li e levo no coração sua postagem
    na esperança de ter deixado você feliz com minha mensagem nesse
    feriado.
    Beijos no coração afagos na sua alma.
    Carinhosamente,Evanir.
    Lindo poetar amiga!!
    O amor de mãe nada se compara.

    ResponderExcluir
  38. Oi Madrecita,

    Essas meias vermelhas e seu gesto singelo mas repleto de amor, ficará para sempre dentro do meu coraçao...

    Obrigada pela homenagem.......me deixou emocionada...

    Bjos de quem te ama e lhe quer bem....sempre

    ResponderExcluir
  39. Adorei o poema...creio que os que são feito para os filhos expressam mais do que qualquer um o que diz o coração, não é?
    Já estou seguindo e adicionei teu blog na listinha de blogs que leio e recomendo ok?
    beijos
    http://pactodacinderella.blogspot.com.br
    Twitter - @Belinda_cind

    ResponderExcluir
  40. Que linda homenagem e que bela prova de amor ( não que amor de mãe precise de provas,ele é bem evidente,não é?
    Bjns
    Márcia

    ResponderExcluir
  41. Oi Rita,
    boa tarde!
    uma bela criação,
    o poema é sempre mais bonito quando o texto transmite uma parte da nossa vida.
    Belissimo!

    Desejo-lhe um belo 01 de maio
    muitos beijos e abraços
    ótimo feriado =D

    ResponderExcluir
  42. Bom dia Rita, que poema hermoso de sauades, quando un filho se aleja, a nostalgia invade por completo a nossa vida, querida. Meia vermelha volvio, junto a seu filha amada :)
    Beijos.

    ResponderExcluir
  43. OI QUERIDA RITA
    Que lindo este poema.
    Como fiquei feliz ao receber a sua mensagem. Saiba que você é uma pessoa que admiro muito, alguém realmente especial e receber esta surpresa fez o meu dia muito mais feliz. Tomara que a gente continue assim, sempre trocando gestos de amizade e consideração. Acho que a gente deveria viver assim, distribuindo palavras amigas e fazendo com que o amor se alastre pelo mundo. As palavras são impregnadas de vibrações, por isso não devemos perder nenhuma oportunidade de manifestar bons sentimentos. Seja muito feliz!
    Ana

    ResponderExcluir

  44. Olá Rita,

    Linda e emocionante homenagem.
    Um momento inesquecível na vida de mãe e filha. O presente existirá para sempre no coração da Vanessa.

    Bela tarde de feriado.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  45. Rita querida, que lindo poema, parabéns...
    Encontrei alguém com ciúmes por aí ou foi impressão minha? kkkkkkkkkkkk

    Amiga, passei p/deixar bjssss e te desejar maravilhas nesse mês de Maio.

    ResponderExcluir
  46. Mãe é assim: tem o coração cheio de carinho para repartir com os filhotes.Linda homenagem à tua filha. Meias vermelhas falam da alegria e saudade ao mesmo tempo.
    Abração.

    ResponderExcluir
  47. Rita,quanta emoção nessa poesia!Eu que tenho a filha que foi estudar fora esse ano, já me identifiquei tb!Lindo e comovente demais!bjs,

    ResponderExcluir
  48. Muito sentido e muito simbólico.
    A distancia, graças a umas meias vermelhas, era sempre mais curta!

    ResponderExcluir
  49. Lindo, Rita. Até hj guardo uma camisa q minha mãe me deu aos doze anos. Bjos.

    ResponderExcluir
  50. Lindo poema: singelo, tocante.
    Tenha lindos dias.Bjs

    ResponderExcluir
  51. Rita
    linda poesia que fez para a filha viajante
    me lembra que ao nascer, os filhos ganham sapatinhos vermelhos que significa boa sorte. Acho que você quis dizer isso a ela.
    bj
    zizi

    ResponderExcluir
  52. Oi Rita! Eu tenho meias vermelhas! Logo que vem o friozinho estou com elas nos pés, gostoso demais! Melhor do que as meias aquecendo os pés é a sua poesia de mãe. Linda! Beijo!

    ResponderExcluir
  53. Que belo poema, Rita. Sem dúvida uma linda homenagem à sua filha. Beijos e boa quinta.

    ResponderExcluir
  54. Ola, tudo bem? Estou começando a divulgar o meu blog agora
    e gostaria que visitasse e deixasse seu comentário dizendo o que achou.
    Desde ja agradeço =) Jessica

    ResponderExcluir
  55. Querida amiga Rita !

    Muito me honrou mais uma sua visita ao meu Blog. Obrigado pelo carinho para comigo e meus trabalhos.
    lindo dia e maravilhosa
    semana para você !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Beijos de luz!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Obs: Quanto ao selinho, é simples. Captura e salve a imagem em seus arquivos. Depois vá no Layout de seu Blog, em adicionar gadget, clique e busque o campo "Imagem". Copie lá e salve-a. Pronto, está resolvido. Só isso.
    Depois você pode clicar em cima e arrastá-lo para colocar onde quiser, ok?

    POETA CIGANO –02/05/2013

    http://carlosrimolo.blogspot.com
    “Poesias do Poeta Cigano”

    ResponderExcluir
  56. Olá Rita passando para agradecer a tua simpática visita ao mesmo tempo que a venho retribuir
    Ainda não tive tempo para ler muito mas aquilo que li gostei muito!
    Vou continuar por aqui...
    beijo
    anacosta

    ResponderExcluir
  57. Rita, Querida

    Os sentimentos ficam-nos gravados para a Vida inteira; os acontecimentos, também.
    Lindo, belíssimo, enternecedor, este Poema de lembranças dum momento que, certamente, doeu. Ela sentir-se-á honrada pelo sentir da Mãe.
    Afinal, as duas estarão de Parabéns.


    Beijos



    SOL

    ResponderExcluir
  58. Lindo poema que filha sortuda receber essa maravilha. Rita tem post novo lá no blog estrela da manhã segue o link abaixo, beijos.
    Links:

    Estrela da Manhã

    Divulgue seu blog no face

    ResponderExcluir
  59. Boa noite, Rita. Muito lindo o seu poema além de emocionante.
    Grata surpresa saber que você é mãe da Vanessa.
    Beijos para vocês e fiquem com Deus!
    Ah, as meias são lindas, a cor, a minha predileta!
    Fique na paz!

    ResponderExcluir
  60. Oi Rita...
    Que lindo!!! Amei a linda homenagem a sua querida filha...
    Agradeço o carinho de sua visita...
    Caso você tenha facebook...me add. assim ficaremos mais pertinho...

    https://www.facebook.com/sandramitsue
    https://www.facebook.com/Meucantinhonojapao

    Beijos!
    San...

    ResponderExcluir
  61. Que linda historia Rita!
    Mae é assim:essa certeza acompanhada de uma meiguice impar!


    PS:Estou de volta, amiga!

    Beijos

    ResponderExcluir

  62. Rita, muito interessante e comovente o seu poema! AMOR DE MÃE, BELO E LIBERTADOR!!

    Beijos e obrigada pelo carinho por lá...

    ResponderExcluir

  63. Boa tarde amiga vim conhecer seu cantinho e ja estou te seguindo te convido para conhecer meu tbm, ficarei feliz em ter vc lá, e tbm ta rolando um sorteio de lindas revistas.bjss
    http://cantinhodajanaartes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  64. Linda mensagem
    beijos, bom final de semana

    ResponderExcluir
  65. BOA TARDE MINHA QUERIDA !
    NÃO PODERIA PASSAR POR AQUI SEM COMENTAR ESSE POST DO QUAL ME EMOCIONEI MUITO.SÓ UMA MÃE PRA ACARINHAR UM FILHO COM TANTO ESMERO !
    DEIXO MEU CARINHO PELO TEXTO LIDO E EMOCIONADO ...
    BJSSSSSSSSSSSSS

    ResponderExcluir
  66. Um poema escrito com o coração.
    Lindo e emocionante.
    :*

    ResponderExcluir
  67. Um poema escrito com o coração.
    Lindo e emocionante.
    :*

    ResponderExcluir
  68. A quentura do carinho de mãe nos acompanha sempre...mesmo nas frias tardes estrangeiras, é no consolo do reencontro que as pessoas se confortam...
    Um doce final de semana pra vc querida Rita!
    Beijinhos

    Bíndi e Ghost

    ResponderExcluir
  69. Oi Rita,
    história interessante e emocionante.

    Abraços e paz.

    ResponderExcluir
  70. Muito linda e emocionante poesia Rita!
    Gosto de seu lado poetisa.
    Nunca deixe de escrever.
    uma ótima semana para ti.
    abração com carinho

    ResponderExcluir
  71. Olá querida!
    Que belo post, uma homenagem
    linda!!

    O blog continua um encanto,
    parabéns por sua dedicação a este espaço!!

    Beijoss!!

    ResponderExcluir
  72. Ah, estas meias vermelhas!
    Quanta saudade!

    ResponderExcluir

Obrigado pelo carinho,por deixar seu comentário,espero que tenha gostado ,volte sempre!!

Abraços com carinho!

└──●► *Rita!!